sexta-feira, 4 de julho de 2014

QUAL O SIGNIFICADO DO NOME IGREJA EPISCOPAL CARISMÁTICA?

QUAL O SIGNIFICADO DO NOME IGREJA EPISCOPAL CARISMÁTICA?


Precisamos concordar com uma coisa. O Nome da nossa Igreja é bastante diferente! 

Afinal de contas, o que significa esse nome: Igreja Episcopal Carismática?? É isso que vou lhe responder no texto que se segue. 

Poderíamos dizer sem exagero, que os Gregos na antiquidade foram considerados os "Pais do saber". Os cidadãos gregos maiores de 18 anos, do sexo masculino, tinham o costume de se reunirem em grupos que formavam uma grande assembléia pública e democrática. A essa assembléia chamavam de "Eclésia"(do grego: Εκκλησία, ekklesia). Essa palavra aparece 115 vezes no Novo Testamento e em 112 vezes é traduzida como IGREJA e nas outras 3, como ASSEMBLÉIA. 

O que deve ficar claro para nós, é que a palavra Igreja significa um grupo (uma junção) de pessoas que se reunem (como um tipo de assembléia) para um mesmo propósito. 

A palavra Episcopal é uma derivação da palavra grega "Episcopos" (do grego: επίσκοπος, episcopos) que quer dizer inspetor ou superintendente. 

Para nós essa palavra foi traduzida como BISPO. Assim, o Bispo é um sacerdote que supervisiona outros. Sua jurisdição é composta por um grupo de Paróquias (Igrejas) chamado de Diocese. 

Uma Igreja Episcopal é uma igreja que tem uma forma de organização hierárquica, com a autoridade máxima exercida por um bispo. 

A Igreja Católica Romana, Ortodoxa, Anglicana, Metodista também são igrejas episcopais, pois são governadas por uma Bispo. Além dessas, muitas Igrejas que surgiram nas últimas décadas, tem a forma de governo episcopal. Cito como exemplo a IURD(Igreja Universal do Reino de Deus) que tem o Bispo Edir Macedo como seu líder máximo. Mas que fique bem claro que essa Igreja além de ter um governo episcopal, está muito distante da Igreja Episcopal Carismática em seus credos, ética e forma de ser Igreja. 

Já a palavra Carismática provém da palavra "Charisma"(do grego: χαρισμα, khárisma), a qual é traduzida, na maioria das vezes no Novo Testamento, como "dom". Uma Igreja carismática é uma Igreja que acredita e dá vez ao agir do Espírito Santo em seu meio. 

Acreditamos que o Espírito Santo de Deus age em nós através do derramamento de seus dons sobre o seu povo, como vem acontecendo em toda a história do povo cristão, desde o evento conhecido como Pentecostes, descrito no livro de Atos, capítulo 2. 

A experiência carismática está subordinada a quatro coisas: 

1. ao ensino apostólico - devemos proclamar o ensino continuado dos Apóstolos, como encontramos no Novo Testamento. 

2. à pregação bíblica - precisamos pregar a fé histórica dos apóstolos como se encontra nas Escrituras; 

3. à adoração histórica - desde os dias dos apóstolos, a adoração dos cristãos está centrada na Ceia do Senhor. Após a Reforma protestante, outro tipo de adoração veio a acontecer e causou uma significativa mudança. Mas, adoração não se dá através de uma liturgia, cantando hinos ou lendo orações. Adoração é o oferecimento das nossas vidas ao Senhor em resposta a Ele; 

4. à "experiência carismática" - uma coisa é sermos apostólicos em fé e doutrina, outra, é sermos apostólicos em vida e experiência. 

Uma Igreja Carismática tem quatro marcas: 

1. é uma Igreja de adoração. O Espírito Santo abre nossos olhos para entendermos quem é Jesus e nos dá o desejo de adorá-lo; 

2. é uma Igreja de ensino. Devemos adorar a Deus não apenas em espírito, mas em verdade. Jesus disse: "O Espírito Santo os guiará em toda verdade" (João 16:13) 

3. é uma Igreja que cuida e que ama. O Espírito de Deus outorga a nós o fruto Espírito, descrito em Gálatas 5 e 6. 

4. finalmente, a Igreja Carismática será sempre uma Igreja que serve. Não somos chamados para sermos senhores do povo, mas para sermos servos. Jesus, Ele próprio, deixou de lado seus direitos, tomou uma toalha e passou a lavar os pés dos seus discípulos (João 13).

Assim, uma Igreja Carismática adora, ensina, ama e serve. Seus membros se oferecem ao Senhor reconhecendo que não possuem em si nenhum merecimento, a não ser pela Graça de Deus. Apenas a Igreja que confia na Graça do Senhor é, verdadeiramente, CARISMÁTICA.

Nenhum comentário: