sexta-feira, 18 de maio de 2012

Ensina-nos a Contar os Nossos Dias



Imprimir
E-mail

Ensina-nos a Contar os Nossos Dias



Moisés pode ser considerado o maior líder judeu, foi o homem que entregou os Dez Mandamentos ao povo e é o autor do Pentateuco. Nesse salmo, ele faz uma oração e pede a Deus que nos ensine a contar os nossos dias, de tal forma que venhamos a ter um coração sábio.


Olhando, de pronto, para o seu pedido podemos correr o risco de não conseguir alcançar a magnitude da sua solicitação. Na verdade, Moisés está confrontando a forma como o ser humano conduz o seu dia a dia.

No Salmo 90, Moisés pede que Deus nos ensine a (...) contar os nossos dias para alcançar um coração sábio.


Consideremos alguns elementos chaves nessa oração:
Primeiro somente Deus conhece quantos dias restam da nossa vida. A certeza da morte é inegável. Igualmente certo é o fato de que ninguém sabe em que dia ela virá. Deus, nosso Professor Supremo, conhecedor de todas as coisas, marca a carga horária na escola da vida. Ele é quem assina o diploma ou reprova os alunos.

Segundo, os melhores alunos pedem a ajuda de Deus para evitar o desperdício do tempo. Dias não-contados referem-se a dias não-aproveitados, horas em que nada se fez ou não se aprendeu nada de valor. Nenhuma palavra de encorajamento emanou da boca e nenhuma influência sadia impediu alguém de ir em direção a Deus.

O homem que quer aprender a sabedoria de Deus avalia tudo à luz da eternidade. 


Terceiro, o objetivo das lições de Deus visa alcançar um coração sábio. Ele mostra o caminho e motiva seus servos a progredir nessa direção. Revelou sua infalível Palavra para ser luz e lâmpada para os pés dos que andam nos caminhos sinuosos deste mundo.

Quarto, indagaremos sobre o que quer dizer “coração sábio”. Estas palavras têm um paralelo na mensagem de Paulo: Não cessamos de pedir que transbordeis de pleno conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e entendimento espiritual. (Cl 1.9). Se Deus nos ensina clara e inconfundivelmente Sua vontade, não ficaremos mais presos à cegueira que baseia suas decisões no acaso de loteria. 


Infinitamente melhor é escolher sob a direção daquele que conhece o futuro tão plenamente como o passado (Rm 8.14). Sabedoria quer dizer inteligência que enxerga bem, além do horizonte desta vida curta e insegura. Escolher de acordo com a orientação bíblica permite ao servo ecoar as palavras do famoso missionário David Brainerd no limiar da morte.

“Não teria vivido a minha vida diferentemente do que vivi por nada neste mundo”. Jim Elliot, inspirado pela sabedoria de Brainerd, foi morto por uma lança dos selvagens aucas no Equador, em 1956. Disse o mártir: “Não é tolo quem deixa o que não se pode reter para alcançar o que não se pode perder”. 


Quem, além de Deus, pode ensinar a um filho de Adão essa realidade? Ninguém nasce sábio. Pecadores buscam prazer e sucesso com uma visão curta. Não olham além da morte física, enquanto o homem que quer aprender a sabedoria de Deus avalia tudo à luz da eternidade.

Paulo disse que, se recebermos sabedoria e entendimento espiritual, devemos viver de modo digno do Senhor, para o seu inteiro agrado (Cl 1, 10). Uma definição de pecado destaca precisamente esse aspecto - desagradar a Deus agindo de maneira indigna do Pai que nos gerou pelo Seu Santo Espírito.

Moisés percebeu a importância de se alcançar sabedoria. Durante quarenta anos foi instruído em tudo o que havia de melhor da sabedoria humana. Matou o egípcio que maltratava um israelita. Foi uma decisão aparentemente inteligente, mas não sábia. Depois fugiu para Midiã onde teve tempo para as aulas de Deus.


Por quarenta anos foi adquirindo sabedoria do alto que lhe serviu tão bem durante os últimos anos do governo do Povo Escolhido. Mesmo sendo Moisés um servo humilde, Deus o escolheu para conduzir Israel, tirando-o do Egito até a Terra Prometida e para escrever os primeiros cinco livros da Bíblia.

Foi esse mesmo Moisés que escreveu o Salmo 90 e gravou esse pedido de ajuda para contar os seus dias de modo que alcançasse a sabedoria. Dias são desperdiçados porque não os contamos como preciosas pérolas que podem ser trocadas por sabedoria do alto.

O Salmo 90.12 aponta na direção de verdadeiro sucesso. Pedir a instrução do Criador infinito em poder e sabedoria é o único meio de chegarmos ao fim da vida felizes e bem-sucedidos aos olhos de Deus.

Para se viver bem, no mundo e no céu, sabedoria do alto (Tg 3.17) é tudo! Jonathan Edwards sabia que a sabedoria celestial valia mais que dinheiro ou fama. Ele e sua santa mulher tiveram setecentos e vinte e nove descendentes.


Dessa família surgiram trezentos pregadores, sessenta e cinco professores universitários, treze reitores de universidades, sessenta autores de bons livros, dois deputados do congresso americano e um vice-presidente do país. Que explicação única haveria para um fenômeno como a família de Edwards, senão a busca de um coração sábio vindo de Deus e a valorização do tempo que o Senhor lhe concedeu?


A Bíblia fala da necessidade de se contar dias. Contar ciclos, anos, fases. Contar com um propósito. Com uma finalidade especifica: Adquirir um Coração Sábio.


1. Como Contar os Dias

• Sl 39:4-5 - A medida dos meus dias.

Quando Moisés pede a Deus que nos ensine a contar os nossos dias, ele está pedindo justamente isto. Que consigamos ver que o fato de termos saúde e milhares de pessoas não terem é um presente e precisamos valorizar.

Que estarmos levando toda a manhã para poder trabalhar não é um fato banal, é uma coisa fantástica, pois existem milhares de pessoas que dariam tudo para poderem estar fazendo o mesmo e não estão. Que termos uma família que amamos e que nos ama é algo maravilhoso, já que neste mundo existem pessoas que vivem sozinhas, sem ninguém, abandonadas ao seu próprio destino.

O salmista pede que Deus o ensine a contar os dias, portanto não é natural que contemos nossos dias. Não é uma coisa que todas as pessoas fazem normalmente. Mas você pode me dizer que as pessoas contam seus dias pela sua idade. Tenho 20 anos, isto quer dizer que tenho 7.300 dias, ou 50 anos 18.250 dias. Não é deste tempo que a Bíblia fala, porque Deus é eterno e ele não se move baseado somente no tempo cronológico.


2. Tempo de deus é o tempo oportuno

O tempo que o salmista está falando não é somente o tempo cronológico (v.10) mas ele menciona outro tempo:

“Todos os nossos dias vão passando acabam-se os nossos anos” (v.9).
“A duração da nossa vida, pois passam rapidamente. (v.10)

Moisés está falando de um tempo com propósito!

Moisés está falando de um tempo que só o coração do sábio sabe contar!

Moisés está pedindo que Deus o ensine a não deixar esses dias passarem!


Moisés está pedindo que cada um dos seus dias cronológicos possam ser contados, isto é levados em consideração. Que Deus possa se agradar dos dias de Moisés e possa escrevê-los como memorial para a eternidade.

Moisés está pedindo um Coração Sábio


3. Um Coração Sábio

• (Ec 8:5) O propósito do coração sábio

Por que queremos um coração sábio?

O objetivo de um coração sábio não é se encher de conhecimento e poder responder todas as perguntas. Saber todas as coisas. O coração sábio não é para ser melhor e então Ter mais autoridade.

Moisés pediu um coração sábio, mas Salomão revelou o propósito deste coração sábio.
- Um coração sábio é para discernir tempos!
- Um coração sábio compreende as oportunidades de deus em seus dias.
- Um coração sábio faz dos seus dias oportunidades!


4 . Tempo Oportuno:

Porque estamos falando de contar os dias, de Ter um coração sábio para discernir os tempos, as oportunidades? Porque Deus tem ciclos, tempos e dias para as nossas vidas.

Deus tem um mover cada um de nós!

Sempre ouvimos dizer que Deus tem um mover para Goiânia. Os nossos pastores nasceram ouvindo isso de seus pastores e nós também fomos gerados debaixo destas promessas, mas quem em fim experimentará deste mover. Qual geração se apropriará destes dias?

Qual povo entenderá e reconhecerá este mover?

A Bíblia fala de que há um tempo oportuno, um tempo diferente dos demais, há fases e ciclos diferentes um do outro e se não percebemos estes “tempos” ficaremos de fora daquilo que Deus está fazendo na nossa geração. Este tempo não volta mais.


• ( Ec 3) Tempo para todas as coisas

Existe tempo para tudo e há um tempo determinado para que todo propósito se cumpra, passado este tempo inicia-se outro.
- Qual é o tempo da sua vida, nestes dias?
- Com que propósito você tem gasto seus dias?
- Os seus dias tem sido contados ou somente vividos?

Qual o tempo oportuno para nós como jovens?
• Ec 11: 1,2,4,6,9 – Tempo Oportuno


5. Princípios para reconhecer e agir em tempo oportuno.

A. Princípio: Lança o teu pão sobre as águas:

Lançar o teu pão fala de fé. Ninguém lança um pão em um rio e espera tê-lo de volta, isso é uma atitude de fé.

B. Lançe sua oração sobre as pessoas (converssão)


6. A Salvação em tempo oportuno:

Quando Moisés pede a Deus que nos ensine a contar os nossos dias, ele está pedindo justamente isto. Que consigamos ver que o fato de termos saúde e milhares de pessoas não terem é um presente e precisamos valorizar.

Que estarmos levando toda a manhã para poder trabalhar não é um fato banal, é uma coisa fantástica, pois existem milhares de pessoas que dariam tudo para poderem estar fazendo o mesmo e não estão. Que termos uma família que amamos e que nos ama é algo maravilhoso, já que neste mundo existem pessoas que vivem sozinhas, sem ninguém, abandonadas ao seu próprio destino.

A Bíblia é bem clara sobre a necessidade de uma pessoa nascer de novo para receber a vida eterna. Jesus cunhou esse termo em João 3:3-7, quando disse ao líder religioso Nicodemos: "Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus." 


Como essa necessidade é tão importante, Satanás a tem atacado com todo o seu poder nos últimos dois mil anos, fazendo a maioria das igrejas cristãs deixar de ensinar essa doutrina, apesar de que ninguém pode ser salvo sem passar por essa maravilhosa conversão espiritual. No entanto, a arma mais eficiente de Satanás contra a doutrina do Novo Nascimento sempre foi a confusão.

Felizmente, Jesus tornou esse processo de transformação bem simples, tão simples que todas as pessoas, independente de seu grau de instrução ou de inteligência, podem compreender. Existem vários passos para nascer de novo e eles estão relacionados a seguir:

Compreenda que TODOS os homens nascem pecadores. Romanos 3:23, diz "Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus." Essa mensagem que todos os homens são pecadores é amplamente repetida nas Escrituras, tanto no Velho quanto no Novo Testamento. Isso significa que você é um pecador diante dos olhos de um Deus que é santo e que precisa punir todo o pecado. Você reconhece que é um pecador?

Como todo homem é um pecador imperfeito, e Deus é um Deus perfeito, nenhum homem pode salvar a si mesmo. Jesus deixou esse fato bem claro em Mateus 5:48, quando disse, "Portanto, sede vós perfeitos, como perfeito é o vosso Pai celeste."

Se todos precisamos ser perfeitos aos olhos de Deus, como alguém poderá ir ao céu, especialmente se a Bíblia declara diversas vezes que TODOS são pecadores? Obviamente, ninguém irá ao céu assim, tentando ser bom para merecê-lo. Como a Bíblia diz que milhões de pessoas estarão no céu, deve haver outro modo de chegar lá, além de tentar ser bom o suficiente.

Você precisa estar arrependido dos seus pecados e querer obter o perdão. Isso se chama Arrependimento. A palavra arrependimento significa que você se arrepende dos pecados passados e que não quer pecar mais.

Arrependimento significa o desejo de dar uma volta de 180 graus em sua vida. Não significa que você nunca mais pecará, mas significa que o pecado será uma exceção na sua vida, não a regra. Não se preocupe — o Espírito Santo de Deus lhe dará o poder espiritual para se transformar nesse tipo de pessoa.

Jesus Cristo, oferecendo seu sangue derramado no Calvário, morreu como um sacrifício substituto pelos seus pecados, e agora está oferecendo vida eterna no céu para você como um Dom Gratuito!Parece bom demais para ser verdade? Em Romanos 6:23, temos: "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor." A vida eterna é um dom, um dom gratuito, de Deus por meio do sacrifício de Jesus na cruz. Você não pode comprar a vida eterna, e com certeza não a merece, mas ela é oferecida como um DOM GRATUITO

Em Efésios 2:8-9, o apóstolo Paulo reitera esse ensino que a vida eterna com Deus é um dom gratuito. "Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie." Nenhum homem poderá estar diante de Deus na eternidade, e se gloriar que "comprou" sua entrada no céu.

Ao contrário, todas as pessoas no céu estarão ali somente por causa do DOM GRATUITO de Deus, que Jesus obteve com sua morte em nosso lugar na cruz. Em vez de punir os pecados individuais de cada pessoa, Deus acumulou esses pecados sobre Jesus quando Ele estava na cruz. (Is 53:2-12)

Agora, você provavelmente está pensando, ‘Como posso receber esse dom gratuito da vida eterna?‘ Em Atos 16:25-33, o carcereiro perguntou a Paulo, "O que devo fazer para que seja salvo?" Paulo respondeu: "Crê no Senhor Jesus Cristo, e serás salvo, tu e tua casa." Você precisa CRER em Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador pessoal. Para crer realmente, você precisa colocar toda sua fé e confiança em Cristo e depender somente dEle como sua única esperança de salvação e de vida eterna.

Essa é uma questão de crer no coração e você não pode fingir e enganar a Deus, pois Ele sabe tudo a seu respeito. Muitas pessoas erroneamente pensam que aceitando os fatos acerca da morte, sepultamento e ressurreição de Jesus Cristo, automaticamente receberão o dom da vida eterna. No entanto, esse não é o caso. Normalmente, os pregadores chamam isso de "conhecimento mental, mas sem aceitação no coração". A salvação é dada gratuitamente, mas somente para aqueles que creram genuinamente.

Em João 1:1,14: Vemos que Jesus Cristo é Deus, igual com Deus, presente com Deus antes do início dos tempos, e o verdadeiro criador do Universo e de tudo o que nele há. Jesus fez repetidamente essa afirmação durante seu ministério. Ele é 100% Deus e 100% humano ao mesmo tempo, e é essa a razão pela qual Ele usou ambos os títulos durante seu ministério, Filho de Deus e Filho do homem. Para nascer de novo, você precisa crer nessa doutrina acerca de Jesus Cristo.


Isaías 53:6 prediz exatamente o que Jesus Cristo fez por nós na cruz; "O SENHOR fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos." Glória a Deus!! Somente a sabedoria, a graça e o poder do Deus Todo Poderoso poderia conceber um Plano de Salvação tão gracioso!! A natureza de Deus exige a punição de todo pecado.

Ponto final! No entanto, Deus teve um plano por meio do qual um substituto inocente seria punido no lugar do pecador. No Antigo Testamento, Deus permitia que um cordeiro fosse o sacrifício substituto para o pecado; Jesus então se tornou o sacrifício perfeito, para todos os pecados do mundo. Seu sacrifício foi perfeito, nunca precisa ser repetido e salva todas as pessoas em todas as épocas.

Para nascer de novo, você precisa compreender e crer nesse princípio da morte substitutiva de Jesus na cruz do Calvário em seu lugar.

Agora que você compreende essas verdades, e crê nelas, precisa compreender como pode receber esse DOM GRATUITO da vida eterna por meio de Jesus Cristo. Afinal, se eu estivesse tentando lhe dar um presente GRATUITO, esse presente não se tornaria seu se você se recusasse a estender o braço e pegá-lo da minha mão. Você precisa ir até o Senhor Jesus e receber o DOM GRATUITO da Vida Eterna das mãos dEle. Como você faz isso?


Por meio da fé salvadora

Observe que eu disse fé salvadora. Existem tipos de fé que não o salvarão. Você pode entender intelectualmente os fatos sobre a pessoa de Jesus Cristo, mas essa não é uma fé salvadora. Você pode estar em uma ‘igreja‘ ou em uma seita que ensina muitas verdades sobre Jesus Cristo, mas que ensina que você precisa fazer outras coisas para ganhar sua entrada no céu. Essa também não é a fé salvadora.

Fé salvadora é confiar em Jesus Cristo e nEle somente, para sua salvação

Se você acha que precisa de algo mais do que confiar na obra de Jesus Cristo na cruz, está contrariando Efésios 2:8-9 e Isaías 53:6b. A maioria das seitas e as falsas religiões cristãs erram nesse ponto; acrescentam outras coisas que são "necessárias" para a salvação, ou oferecem um caminho falso para o céu (por exemplo, salvação por meio do batismo).

Você recebe esse maravilhoso Dom GRATUITO de Vida Eterna aceitando-o pela fé salvadora. Essa é a maior história já contada, sobre a maior oferta que já foi feita, pela maior de todas as pessoas que já viveu.

Verdadeiramente, somente um Deus sábio e gracioso poderia conceber um plano maravilhoso assim por meio do qual os homens pudessem ter seus pecados perdoados, e obter a vida eterna.

Pense nisso! Deus, por sua própria natureza, precisa punir todo pecado, mas como é misericordioso, oferece o Plano da Punição Substitutiva, por meio de Seu Filho Jesus Cristo. Historicamente, chamamos esse plano maravilhoso de Evangelho, ou Boas Novas!

Quer receber esse Dom da Vida Eterna que Jesus Cristo oferece? Se sua resposta for "Sim", pode receber imediatamente a vida eterna.

Diga consigo mesmo: Senhor Jesus hoje eu me arrependo diante do Senhor e do seu poder. Reconheço que sou pecador e preciso de sua graça em minha vida. Quero neste instante te pedir perdão por ter vivido errado e de forma pecaminosa todo este tempo que permaneci longe do Senhor. Quero também pedir perdão pelos meus terríveis pecados e renunciar toda esta maneira errada de vida para viver em novidade de vida a partir deste momento.

Eu quero recebê-lo em meu coração Senhor Jesus e fazer de Ti meu único caminho; e da sua Palavra que é a Bíblia Sagrada minha única regra de fé e prática. Neste momento eu lhe peço escreve o meu nome no livro da vida e me da abundantemente do seu Espírito Santo. Mais uma vez eu reafirmo minha confissão que o recebo em meu coração para ser meu Senhor e Único Salvador.

Creio que estou perdoado de todos os meus pecados ate este presente momento. Perdão que recebo mediante minha fé no sacrifício que fez por mim na cruz do calvário. Creio também que teu sangue me purifica de todo pecado. Obrigado Senhor.

Você podendo agora se ajoelhe e faça uma oração ao Senhor de gratidão por Ele ter te salvado. Ou se por acaso estiver em local publico procure uma igreja e uma vez nesta igreja derrame-se na presença de Deus. Pode ser um lugar também onde você possa falar em voz alta sobre sua decisão para que todo inferno saiba que agora tu és um filho de Deus, AMÉM!

|  Autor: Jânio Santos de Oliveira  |  Divulgação: EstudosGospel.Com.BR |

Nenhum comentário: